ENFIM TE AMEI

12/03/2012 16:29

 

Desde os primórdios dessa paixão, algo me dizia que eu deveria insistir

Que tudo quanto ali não consegui, mais adiante vingaria de verdade

Que a alegada castidade num certo ponto haveria de ruir

E que precisamente eu deveria estar ali e não perder a oportunidade!

 

Não permiti que toda indiferença inicial me abatesse

Ao ver-te desprezar meu interesse, ainda assim o sustentei

No espelho todo dia me encorajei e não deixei que o medo me vencesse

Pois mais que o fruto não nascesse, constantemente o reguei!

 

Ao contemplar-te com outro alguém, pensei: meu dia chegará

Teus olhos não queriam me enxergar, teus passos não me procuravam

Ainda assim meus sonhos firmes miravam onde queriam chegar

E eu vi o tempo passar enquanto meus anseios te consolidavam!

 

E agora vejo em minha cama tua nudez adormecida 

Exausta e estendida, após a nossa noite mais intensa de amor

O preço que meu coração pagou valeu o sacrifício de uma vida

E não permitirei jamais a despedida do que tão caro me custou!


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!